Capítulo 4. Inclusão da Perspectiva de Género nos Sistemas de Saúde

  • Published Date: January 2017
  • Download File Format: PDF
  • Download File Size: 322.31 KB
Download File

O Relatório sobre o Desenvolvimento Mundial, Igualdade de Género e Desenvolvimento, de 2012, informa que, durante as últimas três décadas, os níveis de educação e saúde das mulheres e meninas melhoraram significativamente. Dois terços de todos os países atingiram a paridade de género na educação primária. Além disso, em mais de um terço de todos os países, as meninas agora superam significativamente os meninos na educação secundária.
 
No entanto, em muitas partes do mundo, um número excessivo de mulheres sofre sem necessidade, tanto física como economicamente, além de terem oportunidades limitadas de manifestar suas necessidades a um público receptivo. Esta desigualdade é não só uma afronta aos direitos humanos, mas também uma perspectiva míope: o investimento insuficiente nas mulheres obstrui as estratégias de alívio da pobreza ao negar-lhes a oportunidade de obter ganhos importantes em resultados de saúde e, de modo mais amplo, ao limitar seu avanço geral em termos de desenvolvimento económico e social. A igualdade de género é um elemento impulsionador a longo prazo da competitividade das comunidades e dos países, e a equidade é ainda mais importante nesta era de economias cada vez mais globalizadas.